Pluft, o Fantasminha

Como percebe-se pelo título, esta foi uma peça infantil.

Conta a história de uma menina que foi raptada por um pirata e, escondida no sótão de uma casa abandonada, ela conhece uma família de fantasmas, incluindo o Pluft que tem medo de gente mas acaba fazendo amizade com ela.

Quem fez o papel dessa garota (Maribel) foi eu. Porém, o nosso professor e diretor André Luiz Dias, falou que era pra eu fazer uma boneca e, ainda por cima, me fez fazer o espetáculo todo na meia-ponta. À princípío foi chato, mas depois acostumei. E agora eu olho algumas fotos depois que comecei a fazer Ballet, e vejo que a minha meia-ponta era horrível.

Fizemos essa apresentação aqui na minha cidade umas quatro vezes, em Belo Horizonte na faculdade Estácio de Sá (estava havendo um evento voltado para as crianças) e em uma rua de lazer, em Valão e em Itambacuri.

Aqui algumas fotos para vocês verem como foi:

Cartaz da Peça

Estréia

Faculdade Estácio de Sá - Belo Horizonte

Rua de Lazer - Belo Horizonte

Itambacuri

Os três marinheiros

Teófio Otoni - Reapresentação

Bom Carnaval pra vocês! Estou indo viajar agora e voltarei só no Sábado ou no Domingo. A próxima peça será Em tempo de Flores e Espinhos. Beeeijocas!

Anúncios
Post seguinte
Deixe um comentário

1 comentário

  1. nossa, que chique! papel principal! a peça parece uma gracinha…

    Beijocas

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: